O que faz o PMDB gaúcho pender para José Serra

Delicada a situação do PMDB gaúcho. Para mim, que estou olhando de fora, está tudo bem engraçado. Diz que vai definir até amanhã o apoio na disputa à Presidência no segundo turno. Analisemos as opções.

Fogaça a essas alturas está com um baita bico por culpa do PT. Perdeu a eleição, e perdeu feio, no primeiro turno. Amarga junto a saída da prefeitura de Porto Alegre. A última coisa que deve querer agora é estar ao lado de Tarso em uma luta conjunta, apoiando a candidatura de Dilma. O PMDB e o PT sempre foram oposição no Rio Grande do Sul.

Soma-se a isso o fato de Lula e Dilma terem entrado forte na campanha de Tarso. Ou seja, terem contribuido para a derrota de Fogaça.

Ao mesmo tempo, imagina a situação de um partido fazer campanha pra uma chapa e ter o vice de outra. É estranho, não?

Fora que o PMDB sempre gostou dessa história de se aproximar de quem tem o poder – também conhecido como fisiologismo. Com a maior probabilidade de Dilma sair vitoriosa, seria de se imaginar que o partido a apoiasse.

Falando em fisiologismo, está na coluna da Rosane de Oliveira na Zero Hora de hoje: “Serra, que já conta com o apoio de praticamente todos os deputados estaduais e federais do PMDB – a exceção é Mendes Ribeiro -, telefonou para José Fogaça. Disse que gostaria de tê-lo como ministro, caso seja eleito presidente”. Ei,compra de voto não é crime?

Colocando tudo na balança, acredito que a rivalidade histórica e principalmente o bico farão com que o PMDB declare apoio a Serra amanhã.

O que faz o PMDB gaúcho pender para José Serra

5 comentários sobre “O que faz o PMDB gaúcho pender para José Serra

  1. Será? Os deputados do PMDB são serristas, mas a grande maioria dos prefeitos do partido prefere Dilma – e há de se notar a lavada que eles tiveram no último domingo.

    Com toda essa divisão interna, meu chute é que fará o que sabe fazer melhor: ficar em cima do muro.

    Curtir

  2. Hals disse:

    Eu acho que o PMDB guasca, anti-petista desde o ninho (de cobras) deve apoiar Serra para, juntos, afundarem abraçados. Assim o novo governo popular que substituirá a tucanalha não precisará se preocupar em coligações, e cargos. O PMDB foi governo com essa corja e a Joanna Brasil deve parar de beber água da privada.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s